Latest News

quinta-feira, 10 de outubro de 2013

O meu texto sobre "O da Joana", de Valério Romão. Em P3/Público


http://p3.publico.pt/cultura/livros/9546/o-da-joana-de-valerio-romao

Em torno da agonia da personagem principal, é desenhado um movimento heliocêntrico. O ritmo é rápido, com poucas paragens para respirar, ou assimilar as imagens e emoções que são propostas. O foco da narração mantém-se muito perto dos movimentos e das expressões das personagens. Não há escapes, não há “travelling”, não há descanso.



Sem comentários:

Recent

Random