Latest News

sexta-feira, 15 de setembro de 2017

‘Canção Doce’, de Leila Slimani



‘Canção Doce’, de Leila Slimani: uma história de um infanticídio


Há pior inferno do que o aberto pela primeira frase de “Canção Doce” (Alfaguara)?

Leila Slimani (Rabat; 1981) enfrenta o pior pesadelo de um pai ou de uma mãe: a morte dos filhos.
Depois de narrar as desventuras de Adèle, uma mulher sexualmente compulsiva, em “Dans le Jardin de l’Ogre”,  Leila Slimani- vencedora do Prémio Goncourt com “Canção Doce”- enfrenta os seus próprios medos (a escritora foi mãe recentemente).

O horror na primeira frase apresenta de imediato ao leitor uma contradição entre o título e a história: “O bebé morreu”.

TEXTO COMPLETO: http://www.comunidadeculturaearte.com/cancao-doce-de-leila-slimani-uma-historia-de-um-infanticidio/



Sem comentários:

Recent

Random